Como organizar o Setor de TI de uma empresa em tempos de crise?

Em dias de crise como estamos vivendo, a pergunta que todos devemos fazer é: Que oportunidades posso ter em meio a crise?

Para isso devemos ter o cuidado de não  ficarmos parados esperando uma oportunidade “cair do céu”. Nossas oportunidades devem ser geradas através de nosso esforço. Em toda a crise gerou-se paradigmas diferentes e novas formas de se lidar com a problematica gerada por ela.

Com isso, abre-se um leque de pensamentos a respeito do assunto: TI – Tecnologia da Informação.

A governança de TI é o assunto que cada vez mais vem ganhando força e veio pra ficar.
Através dela, o setor de Informática não será mais um setor de suporte, um setor sem fins estratégicos e sem nenhuma importância em meio estratégico.

A TI deve ser ligada diretamente ao negócio, com isso, o principal foco do executivo ligado a informática, atualmente chamado de CIO (Chief Information Officer), deverá estruturar a ti de forma a levar o negócio a um patamar mais lucrativo.

De que forma pode ser feito isso? Como fazer com que a diretoria mude a mentalidade para que a TI seja ligada ao negócio?

Para responder a esses questionários, o setor de TI, deve se capacitar de forma que entenda o negócio, seus objetivos, suas deficiencias e principalmente seu dialeto. Sendo o ultimo o mais importânte, pois, a comunicação entre TI e Negócio é falha pela falta de dialetos semelhantes.

Como se capacitar?

A melhor forma de se capacitar, seria o estudo de padrões normativos pré-estabelecidos. Um padrão muito utilizado e aceito em meio mundial, seria o COS(Committee of Sponsoring Organizations), que pode ser encontrado em: http://www.coso.org. Este é utilizado para a organização de modo geral e não abrange o setor de TI. Para este existe o COBIT(Control Objectives for Information and related Technology) que pode ser encontrado em http://www.isaca.org/cobit/ e tambem no http://www.isaca.org.br.

O COBIT,  define de forma muito bem abrangente, a forma como o setor de TI deve ser estruturado e fornece indicadores  para o processo de auditoria, de forma que sua implementação é feita por níveis, iniciando pelo 0 e terminando com o 5.

Como a empresa pode ganhar com isso?

A empresa tendo o setor de TI ligada ao negócio e principalmente estruturada de forma normativa ao padrão COSO e COBIT, poderá com toda certeza ter uma qualidade nas decisões e conseguentemente elevar o patamar de lucro a um nível superior ao que se encontra. Também poderá ter estratégias mais decisivas e uma competitividade muito maior, tendo em vista que seu poder de ação será mais verstátil e dinâmico.

Para maiores informações, a respeito do COBIT  por favor consultem o http://www.isaca.org.br

Obrigado a todos.

Explore posts in the same categories: Governança

One Comment em “Como organizar o Setor de TI de uma empresa em tempos de crise?”

  1. Shiryu Says:

    Ótima iniciativa gostei muito e seguirei suas dicas.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: